Realismo

Não sou apreciador do realismo. Não me refiro à corrente literária, mas àquele realismo ao qual as pessoas se agarram: “De um modo realista, tal e tal. Sejamos realistas, é preciso bla bla bla. Não nos acusem de falta de realismo…”

Não gosto! Acho que o realismo foi algo inventado pelos pessimistas deste mundo para se justificarem, para explicarem as suas posições ou para se desculparem quando as coisas correm mal.

Não gosto! Não aprecio essa forma calculista como analisam as situações, como escolhem estratégias ou posicionamentos. Claro que existe sempre um fundo racional e concreto a cada decisão que tomamos (ou é ideal que assim seja). E claro que a razão pode ser boa conselheira.

Não gosto! Porque tantas e tantas vezes o realismo acaba por pesar. Por desiludir, por deixar as escolhas meio abandonadas, já antes de iniciarmos os trajectos. Se não estamos convencidos, se realisticamente pode correr mal, então as forças faltam-nos, o amor e a vontade para o fazer.

Acho que o resultado final não depende só de nós. O meu amigo Data ( Star-Trek: Next Generation) recebe um conselho muito sensato do seu Comandante Jean-Luc Picard: “Às vezes podemos fazer tudo bem e mesmo assim não conseguir o que pretendemos!”

E para quem acredita nisso, que se convence que não basta só o que fazemos, que há muitas equações neste cosmo complexo, não poderá deixar de concordar que, se acreditar, se for convicto e cheio de esperança, se for bem disposto e alegre, pode não conseguir, mas de certeza que se diverte muito mais ao longo do caminho. E nem precisa de ser realista.

 

por Bernardo Ramirez

Anúncios

4 pensamentos sobre “Realismo

  1. Passados 10 anos, pensarás da mesma maneira? Acho que sim. Mas, conhecendo-te, julgo que, apesar de eventualmente continuares a não gostar da expressão, por a considerares limitativa, sempre foste e continuarás sempre a ser capaz de encontrar respostas positivas para as realidades menos agradáveis. Gostei de ler.

    Liked by 1 person

  2. Epa, gostei da citação que inseriste no texto. E eu que me nego a ver Star Wars e filmes do género… acho que da próxima vez que os homens cá de casa se sentarem a ver um desses filmes, vou ficar à coca. lololololol Beijinhos

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s